Uncategorized

TORTURA EM COARI: Polícia quebra comitê de Keitton e ameaça vigia com choque e afogamento

O Comitê de campanha do candidato Keitton Pinheiro (Progressistas), o CIEX, foi invadido e depredado por policiais militares que sem qualquer mandado, e sob comando de partidários de Robson Tiradentes e Ayrton Norte, chegaram a ameaçar os vigilantes de afogamento e choque.

A invasão criminosa aconteceu no início da madrugada deste domingo (5), onde será realizada a votação da eleição suplementar no município de Coari. Novamente a polícia dá sinais de que está a serviço da campanha de Robson Tiradentes e contra a de Keitton Pinheiro, o que é crime.

Os vigilantes, que agora temem por suas vidas já que a própria polícia está agindo fora da lei, relatam que os policiais invadiram o Comitê “dando pressão” e perguntando onde estava Markeyson. Markeyson é um dos líderes da juventude do Progressistas, que não estava no local.

Ainda relatando os momentos de terror, as testemunhas afirmam que um deles chegou a tirar uma arma do colete dizendo que tinha achado ela no local e que os vigilantes seriam presos. Além de ameaçar plantar a arma, os policiais ainda ameaçaram “grudar” um deles em um fio elétrico que foi arrancado da tomada durante a ameaça. Em outra ocasião ameaçaram os trabalhadores de afogamento na piscina do local.

Toda a ação foi acompanhada por partidários de Robson Tiradentes e Ayrton Norte, ex-comandante geral da PM que nunca enviou forças policiais ao município e que, após se lançar candidato, mais de 200 policiais chegaram ao município, diversas vezes vistos servindo como segurança de sua campanha.

Coari está em pânico, sofrendo nas mãos de quem deveria protegê-los.

%d blogueiros gostam disto: